em

Ménage à trois: Quando um não quer três não brincam?

Aprenda como curtir uma fantasia tão ousada de forma tranquila!

Essa é uma das fantasias mais frequentes entre os homens e entre as mulheres há alguns anos. Mesmo que vista como um tabu, o Ménage à Trois costuma ser uma das ousadias entre os casais mais arriscadas, e ao mesmo tempo mais excitantes. Não é por acaso que, quando é conhecido por isso, passa-se um monte de ideias na cabeça que não vamos comentar aqui…

Felizmente, hoje em dia também é relativamente fácil de falar do assunto entre o casal, ou mesmo entre amigos de uma forma que não seja, muito, cafajeste. Se você já teve essa fantasia na cabeça, ou a barbudete, independente de seu estado civil, talvez não seja algo muito distante de conseguir. Só precisa saber como chegar lá…

… E nós vamos te mostrar como.

Deixando o Ménage à Trois bem claro

O Ménage à trois pode ser algo muito bom, mas tem que ter cuidado ao falar

Antes de mais nada, é bom esclarecer uma coisa jovem: essa aventura a três não é nem um pouco velha. E nem tô falando daquelas festinhas exageradas dos romanos antigos, aquilo lá é outra coisa.

O ménage à trois já existe há muito tempo, com casos bem conhecidos nas nobrezas francesas, inglesas, entre outras figuras conhecidas.

O escritor de Admirável Mundo Novo, Audouls Huxley, é um bom exemplo que fazia dessas estripulias com a esposa e uma amiga dela. O que importa é que, mesmo que seja socialmente mal visto, existem pessoas adeptas da coisa de uma forma mais saudável, por assim dizer.

Para quem talvez não saiba o Ménage à trois, basicamente, é um sexo entre três pessoas, em todas as suas variáveis. É consensual, o que significa que não é algo forçado, e até pode ser muito bem combinado entre as partes. Embora seja mais comum entre casais mais abertos, ele também poderia ser entre amigos. São tempos modernos, não se esqueça…

Como falar do assunto sem ser um pervertido

Não se acanhe na hora de falar sobre Ménage à trois

Falar desse assunto sempre causa aquele constrangimento. Mesmo que algum de seus amigos ou amigas gostem do assuntos, é bem difícil não ter aquele espanto inicial, antes de conversar a sério. E é aqui que você pode não passar como um tarado irrecuperável.

Tanto barbudos como barbudetes gostam desse papo, se curtirem falar de sexo. O ponto todo é não chegar com o pé na porta e tocar o assunto “do nada”, sem saber dos gostos e dos tabus dos presentes.

A dois o papo pode ser bem mais tranquilo e aberto. E na real, é aqui que as coisas devem ser mais sossegadas (e fica tranquilo que vamos dar mais alguma ajuda na frente se você solteiro ou comprometido).

A menos que você seja um cara mais extrovertido e saiba falar do assunto numa boa, a melhor forma de quebrar o gelo e abrir a possibilidade é sabendo dos tabus.

Os Tabus e a quebra deles

Descubra quais são as regras e tabus do Ménage à trois

Quem não gosta, deixa bem claro. Mas quem gosta de um sexo a três de vez em quando, ou com frequência, sempre deixa aquela coisa no ar. Primeiro porque existe essa chance de ser rechaçado, e segundo por que temos todos aqueles pontos da sociedade, que na real, são meio hipócritas.

Felizmente, existem algumas regras nesse ponto que tornam o papo muito mais fluído e sossegado. Considere o seguinte, jovem:

    • Sexo a três é de comum acordo, e quando não é um casal, não rola sentimentos.
    • Mesmo nessas fantasias, existem regras muito bem definidas com antecedência. Respeite-as;
    • Não é qualquer um que topa a fantasia, então só chame mais um se este estiver a vontade com o assunto;
    • A escolha do terceiro na cama (inclusive você ser escolhido) deve ser de comum acordo entre os dois primeiros. Ninguém quer broxar por não concordar com tudo;
    • Evite amigos próximos, mesmo que gostem do assunto. Sem sentimentos lembra? Nessas horas eles sempre vem à tona.

Quem curte um ménage à trois sabe tão bem disso, que até você descobrir que uma outra pessoa gosta leva um tempo. Ah, e mais do que desenvoltura, maturidade é essencial, jovem: ser um cara curioso desmedido só vão tornar os tabus ainda mais fortes na sua cabeça. E a má fama também

Buscando o parceiro ou parceira para a aventura

Fale sobre Ménage à trois apenas com quem tenha certeza de que curte o assunto

Encontrou alguém que curta o ménage? Bom… Agora é encontrar um parceiro ou parceira ideal para isso. Algumas das “regras de etiqueta” que demos acima funcionam muito bem não apenas para falar do assunto numa boa, como buscar o terceiro ou terceira nessas horas.

Ser um pouco anônimo nessas horas é importante, pelo simples fato de não cair na boca de seus amigos e pessoas próximas e dar problemas. Quem já possui experiência nisso vai saber onde encontrar. E não, nós não vamos revelar aqui. Você é um cara esperto que sabe como usar a internet a seu favor para qualquer coisa…

Estado civil importa?

O Ménage à trois precisa ser uma fantasia de casal, e não apenas de um lado

Um detalhe muito importante, e o motivo de não termos entrado em detalhes a respeito do assunto acima, é o nível de relacionamento. Uma coisa é ter o ménage com uma amiga ou amigo de longa data que já tenha intimidade, encontrando um terceiro não conhecido, ou entre três “desconhecidos”. Outra coisa é um ménage à trois entre o casal.

Solteiros possuem um pouco mais de liberdade nessas horas, definindo as regras e gostos de um jeito mais solto, por assim dizer. Entre casais, a primeira coisa a se pensar é o seguinte: se os dois estão de acordo, então tanto a escolha do parceiro ou parceira devem ser dos dois. O casal deve desejar o mesmo terceiro ou terceira. Lembra das regras acima?

E uma última coisa nesse sentido: se o barbudo ou barbudete se sentir desconfortável com qualquer ponto, é melhor não fazer. Esta é uma experiência para ser bem curtida a três, e se algum dos lados não está satisfeito, acaba por ser frustrante. Todos merecem atenção nessas horas.

Fantasias?

Com o Ménage à trois bem definido, é possível ter boas fantasias

Com tudo bem resolvido, deixe a mente fluir, jovem! O que não faltam são boas ideias a três, para tornar a noite memorável. Só o fato de ter um sexo a três pessoas é uma fantasia por si só. Deixe a afinidade entre vocês vir aos poucos.

O mais importante num ménage à trois, mais do que a tara entre vocês três, é que todos saiam realizados. Quando há aquele respeito mútuo entre os desejos e vontades, não há nada que um barbudo ou barbudete não possa fazer a dois que não possam fazer a três. Curtam suas fantasias, e até a próxima!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Avatar for Rodrigo

Escrito por Rodrigo

Barbudo com interesses diversos, expert em produtos para barba e cuidados, porem focado em ajudar outros barbudos em como cuidar melhor de suas barbas e ter seu estilo próprio.
Tem alguma dúvida? Pergunte-me e irei lhe ajudar no que for preciso para deixar sua barba top!

Arco-íris-10-motivos-para-apostar-na-barba-colorida

Arco-íris: 10 motivos para apostar na barba colorida

Como ser mais produtivo no trabalho sem sempre abusar do café

Como ser mais produtivo no trabalho sem sempre abusar do café