No último domingo de fevereiro, aconteceu a maior festa do cinema mundial: a 88ª cerimônia do Academy Awards. A festa do Oscar é mundialmente conhecida pelos prêmios dados aos melhores filmes do ano, com indicações em diversas categorias, e traz todo um clima de ansiedade não só aos envolvidos pela produção, mas também ao público que torce por suas produções prediletas.

Porém, outra “premiação não oficial” que se criou em torno dessa cerimônia é como os convidados e participantes se apresentam para o evento, em especial as mulheres, que exibem seus modelos mais inovadores e das melhores grifes do mundo. Mas, como não poderia ser deixado de lado, precisamos dar um enfoque especial sobre o estilo masculino, que tem a cada ano seguido as melhores tendências da moda.

No post de hoje, vamos mostrar como a moda masculina tem se desenvolvido no decorrer do tempo e quais as tendências da atualidade. Continue acompanhando e descubra agora tudo do estilo masculino que tem passado pelo Red Carpet ao longo do tempo.

A moda ao longo do tempo

Para quem assiste à cerimônia e observa o estilo masculino, é fácil notar como a maioria dos homens está de smoking. Esta é uma peça atemporal, além de ser um clássico em qualquer evento de gala – principalmente quando se trata de algo tão grandioso. Porém, isso não significa que vários detalhes não mudem. Em se tratando de moda, muitos desses detalhes podem entregar inclusive a época que o evento ocorreu.

Acessórios de cabeça

Nas décadas de 1940 e 1950, o chapéu era o item obrigatório de todo homem que queria ser descolado. Exemplos disso, Barry Fitzgerald e Bing Crosby exibiram seus modelos na festa de premiação em 1945, quando receberam a estatueta por melhor ator coadjuvante e melhor ator, no filme “O Bom Pastor”.

Fugindo à regra

Na década de 1960, o estilo que teve seu brilho nas premiações foi o fraque. Este é um estilo masculino que possui muitas variações, tanto de modelo como de comprimento, inclusive alguns modelos chamados de meio fraque. O principal sempre foi a escolha do modelo certo para a pessoa certa. Paul Newman, em 1964, foi um deles, reinando com seu visual elegante de galã. Apesar da “premiação” por bom estilo, o Oscar mesmo só veio 22 anos depois.

Uma borboleta mais aparente

Nos anos 1970, outra variação foi dada aos smokings, agora no colarinho, que recebia uma gravata borboleta branca. O detalhe que mais nos chama atenção não é a cor, mas o tamanho da gravata, muito maiores dos que as que vemos hoje em dia. Se notarmos, por exemplo, na gravata usada por Groucho Marx, na festa de 1974, é possível observar que o artigo quase ultrapassa os limites do paletó.

 

Surgindo a moda do atual

Este ano, as lapelas mais largas dos smokings das celebridades ganharam um toque mais vintage, afinal, essa tendência já apareceu antes, no começo dos anos de 1990. Inúmeros foram os atores que usaram modelos com esse detalhe no passado, como Joe Pesci, na premiação de 1991, quando ganhou o prêmio de melhor ator coadjuvante em “Os Bons Companheiros”.

Cortes e formatos

Uma mudança que tem feito toda a diferença é em relação à alfaiataria. No final dos anos 1990 e começo dos anos 2000, os cortes costumavam ser retos, e o caimento, mais folgado. Para homens de porte mais encorpado, esse modelo caía bem. Em contrapartida, para outros mais magros, o estilo não favorecia. Hoje, os modelos possuem costuras mais acinturadas, que garantem a todos a melhor adequação ao corpo.

A moda e o estilo masculino na atualidade

Na maior festa do cinema mundial, o estilo masculino padrão é sempre o Black Tie. Mas, nessa última edição, pudemos notar como os homens saíram do preto e branco básico e apostaram em novas tonalidades, tecidos de veludo, alguns brilhantes, e também investindo no paletó branco e outras cores para poderem se destacar e sair do senso comum.

Muito além do vestuário

Desde o ano de 2015, a barba perdeu um pouco de espaço em questão de tendência no rosto dos famosos, mas isso não quer dizer que não tenha seu lugar todo especial ainda no gosto de muitos atores. Apesar de não ter sido um uso em massa, como costumava ser, a barba em todas as suas diversas formas (aparada, cheia ou por fazer) foi muito bem representada e utilizada por alguns dos grandes nomes dessa edição, como Jared Leto, Tom Hardy e pelo vencedor do Oscar de melhor ator, Leonardo DiCaprio.

Algo que se destacou muito na multidão foi o uso de cavanhaque, o que não era tão visto anteriormente e que foi muito utilizado este ano, como pelas personalidades Christian Bale, Michael Strahan e Benicio del Toro.

No quesito cabelo, os atores preferiram aderir aos cortes clássicos, como militar, pompadour, side part e degradê. Outros preferiram ousar um pouco mais, exagerando na modernidade, como o cantor The Weeknd, que chocou a muitos com seu visual peculiar.

A bola da vez da alfaiataria

A tendência que segue já há mais de um ano, e que se confirmou na edição do Oscar 2016, foi a dos cortes Slim, com linhas mais justas e que valorizam o contorno do corpo da pessoa. Como comentado anteriormente, especialmente para os mais magros, essa é a melhor escolha. As personalidades mais robustas preferiram manter o corte tradicional e também fizeram bonito no tapete vermelho, como Guillermo del Toro.

Para os que preferiram sair do tradicional, o que mais se destacou nessa edição foi o azul marinho, como mostraram os atores Mark Ruffalo, Sylvester Stallone e Finn Wittrock, aderindo à tonalidade.


Quanto às grifes que reinaram no Red Carpet, podemos destacar o Outfit de Jared Leto, que vestiu Gucci, com um modelo super inovador e de muito bom gosto. Leonardo DiCaprio preferiu se manter no tradicional para não errar, com um terno Armani e sapatos Christian Louboutin. Também o britânico Eddie Redmayne, que estava impecável em seu smoking de veludo da Alexander McQueen.

Gostou do post de hoje? Viu a evolução do estilo masculino na festa do Oscar? Deixe seu comentário e nos conte o que achou do estilo dos famosos que passaram pela edição Oscar 2016!


Deixe sua pergunta ou opinião

Ad Blocker Detected

Our website is made possible by displaying online advertisements to our visitors. Please consider supporting us by disabling your ad blocker.

Refresh