Você deve se lembrar dele nas cenas de filmes com mafiosos. Ou com caras de muito dinheiro. Ou então de uma ilha próxima aos Estados Unidos que possui uma fama enorme por seus modelos de luxo, por assim dizer. Enfim, o importante é que, só pela imagem criada na sua cabeça, você saiba como apreciar um charuto de verdade.

Existe um motivo para toda essa mitologia em torno do charuto. É um momento único de relaxamento, e de certa forma de apreciar a glória de uma conquista. Afinal de contas, charutos são um tanto caros, e se você tem um pacote deles significa que você realmente chegou num patamar respeitável de sua carreira. Ou só quer dar uma experimentada mesmo.

Como apreciar um charuto de verdade?

Saiba como Apreciar um charuto

Qualquer que seja o motivo, vamos te mostrar como se deve apreciar um charuto de verdade. Nem chega a ser tão difícil assim, mas é bom que você, como um bom barbudo que preza pela sua imagem, saber todas as manhas para esse momento.

A começar pelo Ritual do Charuto. Não, não tem nada de religioso, pode ficar tranquilo. É só um jeito pomposo de dizer que é para você ficar realmente bem à vontade com o momento.

As Regras do “Ritual do Charuto”

Existe todo um jeito de Apreciar um charuto

Antes de entrarmos na parte legal, é importante deixar um aviso para os barbudos mais afoitos a usarem o charuto: não só o lugar onde vai usar deve ser razoavelmente isolado, como em momentos específicos. Pra começar, um lugar que permite o fumo, certo? Não é pelo fato deles não serem cigarros que significa que estejam isentos da regra. Além do mais, fazer isso em um lugar proibido já é a primeira gafe.

Você vai precisar de um bom tempo para degustá-los, seja sozinho ou com amigos, ou com o crush. Sim, tem garotas que gostam de um cara que saiba usar bem desse momento, mas isso fica para outra hora.

Com um ambiente apropriado – que pode ser sua casa ou no próprio escritório, se este permitir, é claro -, aí entramos no ponto onde interessa. Qual charuto escolher? Como aproveitar o momento do preparo? E qual a melhor hora para utilizá-lo?

A escolha do charuto

A escolha do tipo ajuda na hora de Apreciar um charuto

Aqui a questão é bem parecida com quem gosta de fumar por cachimbo. Charutos possuem seus aromas e “sabores” mais acentuados, e isso faz tanta diferença para um fumante quanto alguém que prefere itens específicos para sua sobremesa. Ao ir em uma tabacaria, escolha o charuto com esse fator em mente.

E nada de meter o nariz diretamente na peça, viu? É um tanto inadequado encostá-lo numa peça que, caso não seja do seu agrado, volte para a caixa. Use seu olfato para esses casos da mesma forma que faria ao cheirar uma comida na panela.

Cortar e Acender o Charuto

Apreciar um charuto fica melhor quando acende da maneira correta

Com o ambiente adequado e até climatizado para o momento (sabe, janelas abertas, local limpo, um cinzeiro para não sujar nem se queimar com as cinzas…), é hora de honrar nossas figuras icônicas do charuto, e fazer todo o processo corretamente. E existe todo um charme em cortar e acender o charuto, da mesma forma que se tem com vinhos, cervejas ou até Whisky.

Para cortar a ponta do charuto, o ideal é que você tenha cortador adequado e específico para ele, e de boa qualidade. Não faça um corte nem muito grande o ideal é cortar um milimetro, para evitar que o conteúdo esparrame no chão e fique esfarelando na boca (acredite, não é bom), nem pequeno demais a ponto de dificultar a degustação. A prática vai te mostrar o ponto perfeito para seu gosto.

Já para acendê-lo, o ideal é usar um fósforo de madeira (mas deixe o fósforo da ponta queimar totalmente antes de usar a chama no charuto), ou isqueiros de gás butano com aqueles modelos em metal bem chiques, o ideal mesmo é o isqueiro tipo maçarico. E não é firula: a intenção é que a chama, pura, mantenha os aromas do charuto e não interfira na degustação.

Acenda sem encostar a chama na ponta cortada do charuto, girando levemente para que toda sua extensão seja coberta. Depois que a ponta esteja acesa. dê baforadas de leve e deixe ele acender gradativamente. Depois de completo, deixe ao menos um minuto em descanso, para que o processo se mantenha naturalmente.

Agora é só apreciar o momento sem pressa. Charutos levam um tempo para serem fumados por completo, por isso é importante ter um bom tempo. E uma dica importante: não dê uma tragada, beleza? O correto aqui é inalar sua fumaça, deixar na boca e soltar em seguida.

Vai uma bebida para acompanhar?

Apreciar um charuto tem todo um momento, mais até do que a própria degustação do fumo. Naquelas mesmas cenas que mencionamos, não é raro vermos os apreciadores terem aquele copinho do lado, para acompanhar.

E aqui já entra outra dica importante: o melhor bom momento para apreciar um charuto é após a sobremesa, ou após a refeição mesmo. Assim os paladares não se misturam, além de ser uma boa forma de aproveitar a lombeira.

Voltando às bebidas, existe toda uma harmonização que pode ser feita entre elas e os charutos. Por que não? É um momento único de prazer, e não difere tanto assim de aspectos gastronômicos. Mas sem entrar em devaneios, aqui vão algumas sugestões boas de bebidas para acompanhar um charuto.

  • TequilaTem um sabor forte, e serve bem para dias frios e charutos com aromas mais suaves;
  • Vinho – A melhor recomendação aqui é o Vinho do Porto. Seu sabor marcante combina com virtualmente todo aroma de charuto, além de adicionar ainda mais sofisticação ao barbudo.
  • Whisky – São considerados um dos melhores acompanhamentos para apreciar um charuto. Com notas e sabores sensivelmente variados, eles caem bem com qualquer aroma para charutos.
  • Rum – Se o Whisky é considerado um dos melhores, o Rum é definido como a opção perfeita para apreciadores do fumo. É uma bebida doce, e que cai bem com o momento. Como suas opções, sobretudo de países como Jamaica e Porto Rico, são um pouco mais caras, você pode salvar para momentos especiais.
  • Café – Ideal para uma pós refeição ou em uma reunião de amigos. Esta bebida pede um tabaco mais suave e se tiver um toque amadeirado melhor ainda.

Se liga nesse vídeo do parceiro Daniel Barra sobre charutos para iniciantes.

Apreciar um charuto pode ser a grande conquista dos barbudos, como mencionamos. Pode ser a dois, com os amigos, ou ainda sozinho – todas as formas são bem apreciadas e tem seu valor. Se chegou o seu momento para tal, as ideias aqui vão deixar o momento ainda melhor. Não deixe de fazê-lo bem, e até a próxima!

Deixe sua pergunta ou opinião

Ad Blocker Detected

Our website is made possible by displaying online advertisements to our visitors. Please consider supporting us by disabling your ad blocker.

Refresh