Você deve conhecer Kit Harrington, certo? O Jon Snow, aquele que não sabe de nada no Game of Thrones… A barba de Jon Snow é tão bem característica, que alguém já deve ter pedido mais de uma vez para que ele não faça a barba. Bem… Não deu muito certo.

Kit Harrington, depois do final da temporada de GoT, acabou fazendo a barba. Embora seja uma decisão totalmente profissional – o ator teve de fazer por conta de uma peça de teatro que estreou nos Estados Unidos -, vê-lo sem barba deixou muito gente afoita, seja as fãs do ator, seja os barbudos que se identificam com o visual.

É para isso que escrevemos esse artigo. Para que não faça a barba, e acabe partindo o coração de alguém. Tá brother, eu sei que tirar os pelos faciais é uma decisão inteiramente sua, mas vamos te mostrar que existem meios de manter a barba por quaisquer razões.

Não faça a barba, senão vai perder a identidade

Não faça a barba

Parece uma ameaça, mas na verdade não. Ter uma barba bem cuidada entrega um visual e identidades únicas, capaz de causar um bom impacto com a aparência na primeira visão. Some ao fato que muitos barbudos parecem mais velhos mesmo sendo mais novos, o que traz muitas vantagens nos meios sociais.

Além disso, fazer a barba por completo deixa o rosto completamente desprotegido dos rigores do tempo, o que pode levar até mesmo a doenças. Repare na Patrulha do Norte: quantos daqueles caras não são barbudos? E quantos deles de fato sobrevivem sem ela? Mesmo o Sam, com uma barba apenas no pescoço e no maxilar, deu cabo de um Caminhante Branco. Então é bom considerar os pelos faciais.

Fazer a barba pode tirar uma de suas características mais importantes. Você não vai ficar antipático ou ranzinza, mas sem dúvida vai causar aquele estranhamento naqueles que apreciavam o seu visual. Se você não quer perder essa parte da identidade, não faça a barba, apenas redefina o visual.

Tirar a barba pode tirar suas forças

Não faça a barba

Sabe aquela a história sobre Sansão? Cabeleira, força, se deixou ser seduzido, e perdeu as forças ao arrancar os cabelos? Pense que pode acontecer o mesmo com sua barba. E isso porquê as barbas, junto com sua voz, podem representar uma força única, que é “podada” ao ser retirado.

Tá certo, podem até existir razões viáveis para fazer os pelos faciais. Como no caso de Kit Harrington, pode ser por razões profissionais, o que é perfeitamente aceitável. Pode ser necessário por razões de saúde, e nisso nem podemos contestar – se é preciso, faça.

Mas agora, para todas as demais razões, vamos mostrar alternativas muito simples para que não faça a barba, e sim adaptá-la para qualquer momento.

Se a barba incomoda, veja 5 maneiras de adaptá-la

Vamos acabar com esse mito de que se a barba está ruim, você deve fazê-la com essas 5 dicas muito simples.

1 – Se a barba está quebradiça, use os produtos certos

Não faça a barba

Você pode pensar em tirar os pelos faciais pela barba não estar com um visual muito bom. Desgrenhada, com frizz ou seca. Mas não é preciso tirá-la por completo. Faça uma aparação simples, comece a usar um bom shampoo para barba todos os dias, e só com isso já vai sentir a diferença.

Ou, se quer algo mais completo e com um pouco de rapidez, um barbeiro pode ajudá-lo a ter uma barba top com um tratamento prático e até bem rápido.

2 – Para os ambientes de trabalho, escolha um estilo mais comportado

Alguns escritórios e ambientes de trabalho em geral não aceitam barbas, ou aceitam apenas se estiverem bem feitas. Mesmo que seja algo mais restritivo, aqui é a oportunidade para que cuide dos pelos faciais sem necessariamente fazê-la por completo.

3 – Se acha que está muito grande, apare bem

Não faça a barba

Você pode se enjoar de ter uma barba muito grande, principalmente se cumpriu com muito esforço o desafio da Yeard (Nota: link para artigo sobre Yeard). E dar uma renovada no visual faz parte de qualquer barbudo que se cuide bem. Mas não é necessário tirar toda a barba para começar do zero – basta fazer uma boa aparação.

Procure por estilos de barba que se encaixem com seu tipo de rosto. Depois de bem definido, tire apenas as áreas que não serão necessárias. Você vai economizar um bom tempo no processo, e mais dinheiro também, já que teria de começar o processo todo de novo.

4 – Se for tirar a barba por casos específicos, adote a barba por fazer

Não faça a barba

Existem algumas situações em que a barba pode causar sim alguns rebuliços. Estamos cientes, porém existe uma solução que pode salvá-lo de abrir mão por completo da barba: adote o visual por fazer. Com a pele um pouco mais exposta, e com o visual bem desenhado, ninguém vai contestar sua barba.

5 – E não faça por conta de piadinhas! Nunca!

Não faça a barba

Isso é um conselho de amigo, jovem. Existem piadinhas e situações que só os barbudos entendem, e são inevitáveis em qualquer época. Mas nunca tire seus pelos faciais porque ouviu muitas piadas, de qualquer natureza.

Se te ajuda a animá-lo nesse sentido, recomendo que leia esse relato de um parceiro nosso que ficou no Rio de Janeiro dias antes dos jogos olímpicos começarem, e vai ver que não tem necessidade para tanto.

Então, por todos estes motivos e as formas de evitá-los, não faça a barba. Nem o viking mais desgraçado em suas batalhas pensou em fazer o mesmo, e você também não deve. Os pelos faciais são sinais de nossa honra, e cabe a nós preservá-lo.

 

Quer receber no seu email excelentes conteúdos iguais a este? Então cadastre-se em nossa newsletter.

 

Deixe sua pergunta ou opinião

Ad Blocker Detected

Our website is made possible by displaying online advertisements to our visitors. Please consider supporting us by disabling your ad blocker.

Refresh