É impossível que você nunca tenha ouvido falar em Whey Protein. Além de ser um dos suplementos mais consumidos em todo o mundo ele também é excelente para o ganho de massa muscular. Precisa de mais provas para começar a usar o Whey e atingir o corpo musculoso dos sonhos? Trouxemos algumas informações que podem te ajudar nessa decisão!

Whey Protein é realmente tão eficiente?

Descubra os segredos do Whey Protein agora mesmo!

Para entender por que todo mundo acabou sabendo do Whey Protein e ele virou febre, primeiro precisamos conhecer exatamente o que é o suplemento. Durante a fabricação do queijo surge um tipo de resíduo, o soro do leite. Essa parte líquida geralmente era descartada pelos fabricantes, que jogavam fora uma matéria prima muito preciosa.

Eventualmente, descobriu-se o valor nutricional e biológico do soro do leite e veio a ideia de transformá-lo em suplemento alimentar. Foi um grande sucesso! Seus resultados chocaram o mundo e hoje em dia é difícil que alguém no mundo fitness não conheça o whey.

Ele é extremamente rico em proteínas, podendo conter mais de 90% de proteína nas versões hidrolisadas (daqui a pouco você vai entender o que é isso). Mas o suplemento faz muito mais que somente dar as proteínas que seu organismo precisa. Ele ainda é uma excelente fonte de aminoácidos, em especial os aminoácidos essenciais.

Mas o que são aminoácidos essenciais e por que preciso comer isso?

Os aminoácidos são substâncias que seu corpo usa para diversos processos vitais. Alguns deles são metabolizados pelo organismo. Portanto, só de manter uma dieta equilibrada você consegue produzi-los sozinho, sem precisar consumi-los diretamente na alimentação.

Porém, existe um problema: nosso organismo é incapaz de produzir 8 dessas substâncias. Eles são o que chamamos de aminoácidos essenciais. Por isso, é necessário inseri-los na dieta, o que nem sempre é fácil.

Existe mais uma classificação dentro dos aminoácidos essenciais, que são os aminoácidos de cadeia ramificada (BCAAs). Eles são os principais aminoácidos usados pela nossa musculatura durante as atividades físicas, evitando a fadiga e melhorando a recuperação muscular. São três BCAAs que você precisa consumir:

  • Leucina;
  • Isoleucina;
  • Valina.

Os BCAAs são tão importantes que existem até suplementos feitos especialmente para quem precisa introduzi-los na dieta. O Whey Protein também é uma excelente fonte de BCAAs, contendo as três variações destes aminoácidos que ajudam seu corpo a recuperar-se mais rápido e melhorar o rendimento nas atividades físicas.

Whey ajuda no ganho de massa

Descubra os segredos do Whey Protein agora mesmo!

Ok, deu para entender que o Whey Protein é saudável e ajuda no rendimento no esporte, mas vamos ao que realmente importa: ganhar massa muscular. Dá para fazer isso consumindo Whey?

Muitos fisiculturistas, atletas e modelos estão em busca de meios práticos e saudáveis de ganhar massa muscular. Imagino que você já saiba a resposta depois de toda essa introdução aos benefícios do Whey Protein, não é?

O suplemento é muito indicado para quem quer ficar maromba, ganhar aquela barriga chapada ou conseguir aumentar o ganho de massa muscular. É claro que ele não é uma fórmula mágica, seus resultados variam de acordo com o indivíduo, sua prática de atividades físicas e dieta.

Ou seja, não dá para ser um barbudo musculoso sem manter uma prática de atividades físicas adequada para isso. A alimentação também é essencial. Caso você tome Whey Protein, mas não tenha uma ingestão proteica total adequada para a recuperação e formação de novas fibras musculares, os resultados não aparecerão.

Assim, podemos concluir que você pode sim ser um barbudo musculoso com Whey Protein, mas precisa combinar diversos hábitos de vida. E tudo isso enquanto consegue outros benefícios do suplemento, que incluem:

  • Melhora do sistema imunológico;
  • Maior sensação de saciedade (reduz a fome);
  • Ação antioxidante.

Quais são os tipos de Whey Protein que posso escolher?

Gostou da ideia de conseguir alcançar o corpo musculoso dos sonhos com uma dieta saudável e o complemento do Whey Protein? Então está na hora de visitar uma loja de suplementos para procurar a opção ideal para você.

Olhando pelas prateleiras você perceberá que existem muitos Wheys para escolher. Além da óbvia variação de marca, ainda existem alguns tipos diferentes. E agora, qual deles será o melhor para você e seus objetivos? Vamos dar uma olhadinha em cada um deles para entender.

Os principais tipos de Whey Protein são:

  • Whey Protein Concentrada;
  • Whey Protein Isolada;
  • Whey Protein Hidrolisada.

A versão concentrada é a mais saborosa, mas a com menor concentração de proteína. Ela possui entre 60% e 80% de proteína e maior quantidade de carboidrato, gordura e lactose. Por isso, não é recomendado que pessoas intolerantes a lactose escolham essa versão.

Temos também o Whey do tipo isolado. Ele tem uma concentração maior de proteína e menor de lactose, carboidratos e gorduras, podendo chegar a índices de pureza de 90%. Dependendo da marca, ela também pode ser livre de lactose. Lembre-se de ler o rótulo cuidadosamente para não errar se você for intolerante!

A Whey Protein hidrolisada é a versão que tem maior índice de pureza. Nesse caso o Whey passa por um processo de hidrólise responsável por quebrar as proteínas em partículas menores. Por isso, ele fica mais fácil e rápido de ser absorvido pelo organismo.

Talvez você perceba que existem Wheys hidrolisados com valores bastante diferentes. Isso é porque alguns deles são feitos da proteína concentrada e outros da proteína isolada, dando diferentes graus de pureza. É sempre importante conferir a quantidade correta de proteína por dose para ter certeza que está fazendo a melhor escolha.

Será que Whey Protein é indicado para mim?

Saiba como ser um barbudo musculoso com Whey Protein

Com certeza! O Whey Protein traz resultados benéficos para os mais variados objetivos, desde a perda de peso até o ganho de massa muscular. Mesmo atletas que só querem melhoram o desempenho nos treinos podem usar esse suplemento e conseguir resultados significativos.

Pessoas com um ritmo de treinamento intenso, como fisiculturistas e atletas, precisam de uma quantidade maior de proteína por dia. Isso acontece porque seu organismo precisa de uma maior quantidade proteica para recuperar a musculatura após o treino e construir novas fibras musculares.

Mesmo pessoas intolerantes à lactose podem consumir o suplemento dependendo da versão escolhida. Então comece a considerar essa opção para finalmente conseguir aquele look musculoso que combina perfeitamente com a sua barba!

Como consumir Whey Protein e conseguir os melhores resultados?

Os resultados do consumo de Whey Protein dependem principalmente da pureza do produto escolhido e do seu consumo adequado. Por ser de rápida absorção, o Whey pode ser consumido logo pela manhã ou até antes e depois do treino.

Tomar o suplemento depois do treino é ideal para quem pratica atividades intensas. É nesse momento que as células estão em recuperação e mais receptíveis para as substâncias benéficas do Whey. Portanto, ele te ajuda a se recuperar mais rápido e ter efeitos mais positivos.

Quanto à quantidade, tudo depende do seu peso. A OMS (organização mundial da saúde) recomenda uma ingestão de 0,8g de proteínas por quilo. Mas sabemos que praticantes de atividades físicas possuem uma necessidade maior deste nutriente, podendo chegar a 2,0g por quilo. Além de realizar o cálculo sozinho, você ainda pode contar com a ajuda de um nutricionista para te indicar a dose ideal do suplemento e adequar seus horários.

Agora é só aproveitar o ganho de massa muscular que o consumo de Whey Protein pode te trazer!

Deixe sua pergunta ou opinião

Ad Blocker Detected

Our website is made possible by displaying online advertisements to our visitors. Please consider supporting us by disabling your ad blocker.

Refresh