4.1/5 - (2030 votes)

4.1/5 - (2030 votes)

A história do Brasil é cheia de altos e baixos, principalmente na fase da República. Alguns vão dizer que é mais momentos baixos, mas isso é uma questão que não vamos discutir aqui. Com uma quantidade já considerável de presidentes, temos história o suficiente para mostrar o lado que mais nos interessa: a presença ou não de presidentes barbudos.

Ah, e aqui vai um ponto curioso, que bate com aquele nosso artigo sobre Barbas Antigas e Modernas: no final do Século XIX, quando a república foi declarada no Brasil, as barbas eram um sinônimo ainda mais intenso de virilidade, respeito e força. Por isso não é raro encontrarmos muitos presidentes e líderes desde aquela época com uma barba cheia e bem cuidada.

Agora que você está a par desse detalhe, vamos conhecer alguns dos presidentes barbudos de confiança por aqui.

Veja alguns dos Presidentes barbudos marcantes do Brasil

Marechal Deodoro da Fonseca

Presidentes Barbudos

Foi o primeiro presidente da república. Na verdade, ele foi uma das partes mais importantes na formação desse governo, atuando inclusive na Guerra do Paraguai que precedeu a entrada da República. Mesmo que tenha governado por pouco tempo, Deodoro da Fonseca botou um bom respeito com sua barba cheia.

Marechal Floriano Peixoto

Presidentes Barbudos

Assumiu o governo com a renúncia de Deodoro da Fonseca. Foi conhecido por uma política pesada, reprimindo alguns movimentos contra o governo à força. E sua cara fica ainda mais assustadora quando você vê o bigode longo, quase mexicano. Apesar de na foto ele parece não cuidar, repare que se trata de um bigode muito bem aparado. E lembre-se de que naquela época ainda não havia as opções de produtos para barba como existem hoje.

Prudente de Moraes

Presidentes Barbudos

Foi o terceiro presidente da república. É, como dissemos acima, muitos dos primeiros presidentes brasileiros eram barbudos convictos, pelos fatores da época. Enfim, Prudente de Moraes foi o primeiro presidente eleito por voto popular, e antes disso esteve no governo de São Paulo. Tinha uma barba cheia similar a de Deodoro da Fonseca, porém mais desenhada e sem um bigode tão proeminente. Combina com a cara carrancuda.

Hermes da Fonseca

Presidentes Barbudos

Você não gosta do Serviço Militar Obrigatório? Pois agradeça a lei para este homem. Foi Hermes da Fonseca que implementou a lei, e na mesma época encarou um baita crise no governo, a chamada época do “Governo do Café-com-Leite”. Para quem não se atentou, era uma época em que os governos de São Paulo (o café) e Minas Gerais (o leite) alternavam no poder. E Hermes encarava todo esse período com um bigode que um malandro aprovaria com força.

Arthur Bernardes

Presidentes Barbudos

Governou na segunda década do Século XX, sendo antes um deputado estadual e federal pelo estado de Minas Gerais. Seu governo não teve tantos eventos marcantes, mas seu visual sim. Diferente dos presidentes anteriores e seus visuais cheios e pesados na barba, Arthur tinha um singelo bigode estilo o Charles Chaplin. Tranquilo para um período relativamente calmo do Brasil. Só relativo mesmo.

Washington Luís

Presidentes Barbudos

Seu governo marcou o fim do período Café-com-Leite, sendo pressionado com força por movimentos contrários a essa política. Vale lembrar que, seguindo o governo de Arthur Bernardes, Washington Luís pegou a bomba da crise econômica de 1929 nos Estados Unidos, que prejudicou o mundo como um todo. Nem seu Van Dyke aguentou a pressão, e no fim de seu mandato, quem assumiu foi Getúlio Vargas.

Júlio Prestes

Presidentes Barbudos

Esse é um caso curioso. Júlio Prestes iria assumir o governo no final do mandato de Washington Luís, inclusive tendo sido eleito por voto popular. Mas o movimento revolucionário que aconteceu em 1930 colocou Getúlio Vargas no poder, tirando Prestes do governo antes dele assinar alguma lei. Mas se ele não foi presidente por muito tempo, porque ele está aqui? Bem, ele tem um baita bigode de respeito, isso por si só já conta.

Jânio Quadros

Presidentes Barbudos

Também conhecido como Jango, Jânio Quadros conseguiu ser em seu período mais popular ainda do que Getúlio Vargas em questão de popularidade – o cara simplesmente foi o presidente mais votado até então. Durante os anos em que esteve no poder, lutou com força contra a corrupção no governo brasileiro, e teve uma postura muito agressiva. E quanto ao visual, o bigode simples dava um ar ainda mais sério para Jango.

José Sarney

Presidentes Barbudos

Depois de um longo período de Ditadura Militar, que nem se tivesse algum barbudo entre os governantes merecia um espaço aqui, a República voltou a sua democracia. E bem, eu sei que o José Sarney não é de longe um exemplo de bom político – se parar para pensar os anteriores também não, mas como o que importa aqui são as barbas, vamos dar o devido espaço a elas. Sarney assumiu o governo após a morte de Tancredo Neves, no dia de sua posse como governante. Seu governo passou por algumas dificuldades, mas nada que valha a pena ser lembrado.

Mas o bigode é bem legal. Aliás, muitos destes governantes guardam alguns bigodes bem peculiares, sendo uma curiosidade a se guardar para a posteridade.

Lula

Presidentes Barbudos

Lula conseguiu atrair muitas pessoas para seu lado com um carisma que não vimos tanto em outros governantes, uma das características mais chamativas nesse presidente é a barba cheia, e era uma marca registrada tão grande que chegou a ficar irreconhecível quando a retirou alguns anos atrás.

BONUS – Menção de honra

"MEU NOME É ENÉÉÉÉÉÉÉAS!"


Presidentes Barbudos

Claro que ele nunca foi um presidente da República, mas tentou algumas vezes mesmo com um espaço de tempo no horário politico gratuito da tv. O mais marcante foi seu bordão, "MEU NOME É ENÉÉÉÉAS!". Éneas Carneiro foi sem dúvida uma figurinha bem conhecida de todos na política. Sua barba era bem característica, tanto quanto suas convicções políticas e nacionalistas. Nunca foi eleito para a presidência mas ganhou o título honorário da BEARD de "Um quase presidente barbudo".

E aí, curtiu as referências? Existem presidentes barbudos pelo mundo inteiro, o Brasil só seguiu uma tendência de suas respectivas épocas. E como a história mostra, as barbas dificilmente ficam por muito tempo de fora dos rostos masculinos. Até a próxima, jovem!

Quer receber no seu email excelentes conteúdos iguais a este? Então cadastre-se em nossa newsletter.


One Response

  1. Avatar for Rodrigo Hyago
    Posted on 23/03/2019

Deixe sua pergunta ou opinião

Ad Blocker Detected

Our website is made possible by displaying online advertisements to our visitors. Please consider supporting us by disabling your ad blocker.

Refresh