in

Barbeador clássico: a nova onda do mercado

Conheça as vantagens de se usar um barbeador clássico na hora de fazer a barba

O barbear adequado se tornou uma arte perdida. Hoje, o homem moderno não tem ideia sobre as formas de manuseio e sensação de um barbeador clássico, do tipo que nossos avôs e alguns de nossos pais costumavam utilizar. Ao invés disso, estamos acostumados apenas com os produtos de barbear mais baratos e descartáveis ​​que são fornecidos pelas empresas no mercado.

Esse fenômeno vem acontecendo há muitos anos e, com isso, a tradição de passar os segredos de um barbear limpo e mais lento foi se perdendo. Felizmente, este glorioso ritual masculino está voltando e é sobre ele que gostaríamos de lhe falar hoje.

Curioso para conhecer mais dessa história e saber como aproveitar dessa tendência masculina que vem com força total? Então continue acompanhando nosso post e descubra mais desses segredos centenários.

O retorno de uma lenda

Aprenda a usar um barbeador clássico

Após décadas criando produtos para combater as irritações na pele de vários homens que precisam fazer a barba, algumas empresas decidiram atacar este problema diretamente na fonte. Assim, nos últimos anos, tem havido um retorno gradual das vendas de uma invenção criada há cerca de 150 anos: o barbeador clássico.

Note que não estamos falando daqueles descartáveis, encontrado em supermercados, mas sim daqueles pesados, reutilizáveis, nos quais você coloca uma lâmina inteira dentro e que são passados de pai para filho. Afinal, você pode usar diversos produtos para o cuidado de sua pele, mas, se não tiver um bom barbeador, não conseguirá atingir os melhores resultados.

Baxter, na Califórnia, é uma marca de produtos de barbearia com quase 50 anos de estrada. No ano de 2009 eles retomaram as vendas do barbeador clássico, com um aumento nas vendas entre 40 e 60% ao ano — em 2013, no entanto, a demanda simplesmente triplicou. Esse exemplo mostra como homens do nosso tempo têm descoberto cada vez mais os benefícios desse uso.

A história do barbeador clássico

A história do barbeador clássico

No decorrer de toda a história, sempre vimos os grandes personagens de cada época exibindo suas belas barbas. Porém, a cara limpa começou a se popularizar a partir da Primeira Guerra Mundial, quando a Gillette começou a suprir as forças armadas dos Estados Unidos com lâminas e aparelhos de barbear.

Segundo a história, conta-se que os soldados precisavam estar frequentemente barbeados para que suas máscaras antigás pudessem se encaixar adequadamente. Porém, segundo Richard Stewart, historiador-chefe do Exército americano, conta em seus livros que a barba só passou a ser proibida nas frentes de batalha durante os anos de 1950. A partir de então, surgia a corrida pela forma mais prática e eficiente para se manter um belo barbeado.

A técnica para o barbeado ideal

preparando o rosto para usar um barbeador clássico

A preparação da pele

Se você quiser um bom barbeado, precisa preparar o rosto e os pelos adequadamente. O objetivo desse processo é suavizar os fios para que o corte seja mais fácil e provoque menos irritação.

A melhor maneira de obter um bom resultado é se barbear logo após sair do banho. A água quente do seu chuveiro deverá hidratar e suavizar sua pele e seus pelos de forma eficiente. Se você não tiver tomado banho naquele momento, pelo menos molhe sua barba com um pouco de água quente. Utilizar uma toalha quente, assim como os barbeiros fazem, é uma ótima técnica para essa ocasião.

O espalhar da espuma

Pegue um pouco de seu creme de barbear e coloque-o em um pequeno recipiente. Depois, com a ajuda em um pincel já pré-embebido em água, mexa um pouco para poder obter uma espuma espessa agradável. Aplique a espuma com seu pincel em movimentos giratórios e homogêneos. Faça que seu rosto fique bem coberto com o produto, para que posso facilitar o corte.

O barbear

Ao contrário do barbear com navalhas e, principalmente, com aparelhos descartáveis, ao se usar um barbeador clássico é exigido um pouco de habilidade e técnica. Uma vez dominado, porém, você terá uma raspagem eficaz a todo momento. Para tal, os quatro passos para um barbear bem sucedido são:

  1. usar a menor pressão possível;
  2. manter o ângulo da lâmina o mais longe possível do seu rosto;
  3. barbear com cuidado;
  4. focar na redução da barba e não a remoção imediata. Isso porque pode levar um tempo para se acostumar com o aparelho, especialmente se você usou aparelhos descartáveis a vida toda.

Algumas dicas para o uso do barbeador clássico

preparando o rosto para usar um barbeador clássico

Tenha em mente que você não precisa usar muita pressão, já que o peso do barbeador clássico é suficiente para cortar sua barba. Se você pressionar demais, cortará o seu rosto. Para ajudar a combater a tendência de aplicar pressão, tente segurar o aparelho pela ponta do cabo e não próximo à lâmina.

Angular o barbeador é provavelmente a parte mais complicada. O ângulo apropriado está entre 30 e 45 graus. Para encontrar o ângulo adequado, coloque o topo da cabeça do aparelho diretamente em sua bochecha, com a alça paralela ao chão. Agora lentamente abaixe a alça até que a lâmina possa cortar sua barba.

Enquanto barbear contra o sentido dos fios possa criar uma sensação suave, você corre o risco de fatiar seu rosto e causar pelos encravados. Por isso, enquanto você estiver aprendendo, opte por apenas fazer a barba no sentido de crescimento. Acredite: se você estiver seguindo todas as dicas até aqui, mesmo evitando o corte contra os fios você já terá um ótimo acabamento.

O objetivo com esse tipo de barbear deve ser a redução gradual da barba, não a remoção da barba em uma só vez. A maioria dos homens tenta se livrar de sua barba em uma única passagem da lâmina. Esta técnica hack-and-go é o que provoca a maioria das irritações de pele. Portanto, se você quiser evitar a irritação da pele, use a espuma e passe a lâmina sobre o rosto várias vezes. Seu rosto agradecerá.

O pós-barba para dar um bom acabamento

como cuidar da pele após usar um barbeador clássico

Após a raspagem, enxágue o rosto com um pouco de água fria para fechar os poros e aplique um pouco de pós-barba. Existem vários tipos, marcas e aromas para se escolher, então procure o que mais te agrada. Afinal, o pós-barba ajuda a reduzir qualquer irritação que pode ter ocorrido e deixará sua pele com uma aparência mais saudável.

Para fechar, precisamos salientar que hoje há muita gente descobrindo que, além do acabamento que se consegue com o barbeador clássico, essa antiga tecnologia é mais segura e também mais barata a longo prazo. Ou seja, como ela exige mais técnica, os resultados são sempre uma barba muito mais bem-feita.

E aí, pronto para passar para outro nível de acabamento com um bom barbeador clássico? Então corra lá na nossa loja e aproveite nosso grande lançamento para você!

Barbeador clássico: a nova onda do mercado
Avalie este artigo

Deixe sua pergunta ou opinião

Written by Rodrigo

Avatar for Rodrigo

Barbudo com interesses diversos, expert em produtos para barba e cuidados, porem focado em ajudar outros barbudos em como cuidar melhor de suas barbas e ter seu estilo próprio.
Tem alguma dúvida? Pergunte-me e irei lhe ajudar no que for preciso para deixar sua barba top!

Os TOP 5 modelos: Pentes de barba que todo barbudo deve ter.

Tatuagens masculinas para combinar com seu estilo barbudo