9 lições para aprender com os filhos e aplicar na carreira

O que você pode aprender com os filhos? Mais do que ser um bom pai! Este aprendizado melhora diversas áreas da vida, inclusive a profissional!

Aprender com os filhos é uma virtude

Ser um barbudo é sinônimo de sabedoria, certo? E te garanto que um dos maiores sinais de sabedoria é ouvir as crianças. Mais especificamente, aqueles pequenos seres que conseguem te dar tanta felicidade e dores de cabeça na mesma proporção. Sim, aprender com os filhos é uma grande inspiração para qualquer segmento em que o barbudo invista.

E para mostrar quanto os nossos pequenos fazem a diferença, principalmente no que diz respeito a como levar a vida e o trabalho, separamos algumas lições que eles provavelmente já te ensinaram, mas que você ainda não tinha prestado atenção. Vamos aprender com os filhos e aplicar no trabalho?

1. Não tenha medo de aprender com os filhos

aprender com os filhos é algo sensacional

Sejamos sinceros: quem tem mais medo, a criança que sobe em uma árvore bem alta, ou o pai barbudo que olha o pequeno trepado naquele pé gigantesco com as mãos na cabeça?

Crianças são naturalmente destemidas. E não é por não saberem dos perigos do mundo, mas por elas carregarem consigo uma vontade inabalável de viver e descobrir. Quando um barbudo entende esse traço tão importante, o medo passa a se tornar prudência, e isso se aplica ao trabalho.

2. Simplifique, simples assim

Parece difícil? Pois é, para nós, barbudos de muitas histórias, a vida tem suas complexidades que se tornam cada vez maiores com o avançar da idade, como se tudo fosse difícil por si só. Contudo, lá vem os filhos para mostrar soluções simples, que explodem a nossa cabeça e até jogam um pouco na cara que “não é para tanto”.

Você pode pensar nesses aspectos na sua profissão. Simplificar processos não só te poupa tempo — e, por consequência, aumenta a produtividade — como te dá aquela sensação de leveza.

3. Recarregue suas energias

aprender com os filhos é recarregar as energias

Que pai nunca ficou impressionado com a quantidade quase inesgotável de energia que as crianças têm? Sem energéticos, tem dias que elas estão incontroláveis, ativas, buscando de todas as formas colocar seus anseios infantis para fora.

E quem disse que isso pode se perder na vida adulta? Manter um corpo saudável e ativo é o segredo para conseguir um bom ritmo também em sua carreira. E nem falo de ser necessariamente fitness: basta uma boa disposição para que todo o corpo responda de acordo.

4. Pratique o perdão

Crianças tem um dos dons mais curiosos de um ser humano: o de serem pirracentas até dizer chega. Gritam, choram, se jogam no chão, fazem um escândalo quando não têm aquilo que desejam. E isso é perfeitamente normal. Quando um barbudo não dá atenção à birra — e, portanto, não alimenta o ego do pirracento —, elas logo se desculpam e voltam a viver suas vidas alegres.

Assim pode ser com o barbudo profissional. Haverá momentos em que o trabalho pode ser estafante, a ponto de serem cometidos exageros tanto da sua parte como de outrem. Sendo alguém aberto ao perdão e deixando que os tempos bons sigam o seu rumo, eventualmente esses problemas se tornam muito menores do que parecem.

5. Esteja aberto ao aprendizado

aprender com os filhos é estar sempre aprendendo a melhor

De imediato, parece confuso, mas quantas vezes você não sentiu vontade de aprender algo novo? Ou deixou de se renovar por achar que já sabe o bastante? Crianças conseguem ter uma capacidade única de aprender, e com muita facilidade. Obviamente, tal esforço também depende de um estímulo do adulto, mas muitas vezes a vontade parte delas.

Um barbudo sábio também pode ser aberto a novos aprendizados. Além de alimentar a mente com bons conteúdos, essa disposição de aprender pode ser muito benéfica para o seu trabalho, como uma forma de mostrar a si mesmo que nunca é tarde para aprender algo novo. E quem sabe você não pode desenvolver isso com seus pequenos?

Que tal começar renovando as formas de cuidar da sua barba? Com certeza é algo que suas crianças irão se lembrar no futuro.

6. Enxergue a vida sob outros ângulos

Crianças não têm a malícia dos adultos. Por um lado, isso as torna vulneráveis a tipos mau-caráter. Por outro, a falta de malícia faz com que elas enxerguem as coisas por um lado único, mais puro até, não levando a vida de uma forma tão endurecida.

Esta nem sempre é uma lição fácil de ser aplicada pelos barbudos pais, principalmente em ambientes de grande competição. Contudo, uma coisa que seus pequenos fazem de forma até involuntária é não agirem de má-fé. Lembre-se disso e a vida se tornará menos opressora quando se tornar um hábito aprender com os filhos.

7. Não ligue para o que os outros vão dizer

aprender com os filhos é ter sempre em que melhorar

Essa é uma lição que seus filhos podem te ensinar ou que podem aprender de você quando uma situação inevitável desse tipo aparece: julgamentos alheios. Desde a infância, topamos com situações em que as piadinhas se tornam frequentes.

E tanto os barbudos como as crianças que tiram essa situação de letra simplesmente vivem da forma como desejam, sem se preocupar com o julgamento de ninguém.

Assim como uma criança nos ensina a não ter medo, elas também ensinam que não podemos nos intimidar com o que os outros vão achar. Nós agimos, simples assim. Ou não é verdade que cuidamos da nossa barbadessa forma?

8. Saiba priorizar

Isso nos é ensinado por elas de forma involuntária. Nenhuma criança irá perceber, mas o barbudo logo aprende que, quando elas entram na sua vida, a prioridade passa a ser cuidar delas antes de qualquer coisa.

A mesma coisa se aplica aos meios profissionais. Existirão tarefas e ações que precisam de mais prioridade do que outras para garantir o sucesso do barbudo. Se desapegar daquelas tarefas menos prioritárias é o segredo para garantir uma vida plena e bem direcionada.

9. Ame incondicionalmente

aprender com os filhos é aprender a amar sempre

Aos barbudos que já receberam um baita presente de dia dos pais, de aniversário ou em qualquer outra ocasião, essa é uma lição valiosa e além do trabalho. Crianças não têm medo de demonstrar o seu amor. E quando se empolgam com algo, não medem esforços para mostrar esse carinho.

Um barbudo não precisa agir de forma exagerada para mostrar amor para com seus pequenos e o próximo. Mas ser um cara austero, inspirador e que age de forma correta, já é o suficiente para acabar com aquele mito de que barbudos experientes são rabugentos.

Agora que você já sabe algumas lições para se aprender com os filhos, e outras tantas que estão guardadas naquelas cabecinhas curiosas, compartilhe com seus amigos pais. Ou até com os barbudos solteiros também: uma hora eles serão pais barbudos, e vão precisar de uma força. Até a próxima.

Quer receber no seu email excelentes conteúdos iguais a este? Então cadastre-se em nossa newsletter.


Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *