O Outubro Rosa jáestá acabando, e no mês anterior já tivemos o Setembro Amarelo, que busca abrir a conscientização do público quanto a depressão. E o que os dois tem a ver com o Novembro Azul? Diretamente, nada. Mas ele partilha da mesma ideia de levantar a conscientização de uma doença que afeta os homens, no caso o câncer de próstata.

E a ideia do Novembro Azul é bem simples: para conscientizar os homens dos cuidados que ele pode e deve tomar para prevenir o câncer, se incentiva a deixar a barba crescer durante todo o mês. E se você já tem uma barba proeminente, pode ser a referência para quem ainda não adotou o visual.

Nesse post você vai entender melhor como é o Novembro Azul, e tudo o que você precisa para participar e conscientizar.

De onde surgiu o Novembro Azul?

Novembro Azul

Apesar de ter ser popularizado de alguns pra cá, o Novembro Azul já está por aí desde 1999. Tudo começou com uma brincadeira em um pub na Austrália, onde um grupo de amigos decidiu deixar os bigodes crescerem durante todo o mês de novembro como uma forma de conscientização para o Dia de Combate ao Câncer de Próstata, realizado no dia 17 de Novembro.

A brincadeira deu mais do que certo, e continuou angariando entusiastas até que em 2004 ela se tornou uma campanha nacional na Austrália. E as mulheres não ficaram de fora: elas são incentivadas a participar da campanha usando tanto o azul em suas roupas, ou brincando com um bigode falso.

Novembro Azul

Mais do que apenas uma atitude para aumentar a conscientização para o problema, a Movember Foundation Charity passou a organizar diversos eventos para aumentar o alcance da campanha, e deu muito certo. Hoje, o chamado No Shave November existe no mundo inteiro, e a ideia se expandiu para além do bigode.

Basicamente, o que você pode fazer no Novembro Azul é:

  • Deixar o Bigode Crescer
  • Deixar a Barba Crescer
  • Vestir o Azul, a cor da campanha.

Se for possível, faça os três ao mesmo tempo. A ideia é que as pessoas não cientes da campanha fiquem curiosas, e participem da campanha da maneira delas. E desde que a campanha ganhou alcance mundial, outras ONGs e grupos passaram a organizar o mês a sua própria maneira, mas sem perder o conceito original.

Quem organiza o evento no Brasil?

Novembro Azul

O primeiro órgão a trazer o Novembro Azul no Brasil foi Instituto Lado a Lado pela Vida, em parceria com a Sociedade Brasileira de Urologia. Até hoje eles organizam campanhas, mas os resultados foram tão positivos que prefeituras e outras ONGs organizam seus eventos pelo país. Em 2014, mais de 2000 eventos foram organizados no Brasil, e estima-se um número ainda maior para este ano.

Quanto aos eventos em si, as ideias podem variar muito, desde roupas específicas no trabalho a eventos diretos. O lance é que qualquer atitude deve levar em conta a divulgação do Novembro Azul. E inclusive, a Beard já está preparando a sua parte, não deixe de conferir em breve.

Qual é a situação do Brasil no quadro de Câncer de Próstata?

Segundo os dados que puxamos do INCA, o Câncer de Próstata é o segundo que mais mata no Brasil, perdendo apenas para o câncer de pele. A maioria dos casos ocorre com homens na faixa dos 50-65 anos, mas que na maioria podem ser evitados com exames preventivos e alguns cuidados especiais.

Até 2013, foram registrados 13.772 mortes por câncer de próstata, e a estimativa é de que surjam mais de 61 mil casos. Pode parecer assustador, mas na verdade não é: a possibilidade de dados como esse só foram possíveis nos últimos anos graças aos avanços da medicina e no diagnóstico de novos casos. Além, claro, da própria conscientização masculina.

A Campanha em 2015

Novembro Azul

2015 foi um ano bem interessante para o Novembro Azul. Diversas marcas relacionadas a moda e comportamento masculino deram sua força para conscientizar os caras a se prevenirem contra o câncer. Os detalhes de cada campanha você pode conferir no próprio site do Lado a Lado pela Vida, mas vamos te dar uma palinha.

  • A Dudalina, uma marca de roupas muito conhecida pelo seu estilo moderno e bem chamativo, realizou uma campanha de peso, com uma linha de camisas dedicadas ao Novembro Azul, além de um time de atores barbudos e não-barbudos para fazer a divulgação;
  • A Prefeitura de São Paulo iluminou alguns dos pontos mais conhecidos da cidade de azul durante todo o mês de novembro, com algumas informações importantes sobre a campanha;
  • Ainda em São Paulo, a cervejaria Urbana e relançou dois rótulos bem… inusitados. Apostaram no bom humor, e conseguiram chamar atenção da campanha da sua própria forma;
  • O Santos FC também fez sua campanha, selecionando alguns jogadores barbudos para fazer um vídeo engraçadinho mostrando os perigos de não se cuidar quanto ao câncer de próstata, e até hoje faz muito sentido;
  • O Dr. Dráuzio Varela, que dispensa apresentações, realizou sua própria campanha nas redes sociais, disponibilizando materiais próprios em sua fan page variando entre o informativo mais pesado e o bom humor. Vale a pena dar uma conferida;
  • No Terminal da Alvorada, no RJ, uma ação em conjunto com o BRT, realizou alguns exames preventivos e informações práticas sobre o Câncer de Próstata, durante o início do mês.

O que você pode fazer para participar

Novembro Azul

Muito simples. É só seguir aquelas atitudes que falamos mais acima, e sempre que possível, falar da conscientização do Câncer de Próstata. Também é bom ficar esperto com a agenda de cada cidade que irá participar da campanha, com os eventos que ela realizará.

Você pode acompanhar o site do Instituto Lado a Lado pela Vida também. E você pode nos acompanhar também, viu? Teremos alguns posts especiais para você aproveitar o mês e ajudar na campanha da sua forma.

5 Cuidados que um homem  pode ter para evitar o Câncer de Próstata

Existem algumas atitudes simples que podem diminuir ou até mesmo acabar com os riscos de câncer de próstata, bem como qualquer outro tipo de tumor. E se você não sabia ainda, não fique com vergonha – tem certas atitudes que de tão simples são surpreendentes por fazer tanta diferença.

1 – Faça Exercícios

Novembro Azul

30 minutos diários de caminhada é o suficiente para garantir um corpo saudável e livre do risco de cânceres no futuro. E não cara, não tô falando de se preparar para uma maratona ou colocar metas que te intimidem, mas só fazer aquele passo leve, em um trajeto não muito longe de casa. Você vai ver a diferença que causa no seu corpo.

Porém, não se esqueça de alguns pontos importantes. Alongue seu corpo, principalmente as pernas; use um tênis esportivo e adequado para caminhadas, para não se cansar com facilidade; vista roupas leves, sobretudo nos dias de calor; e tenha uma garrafinha de água nos dias mais quentes, para evitar uma desidratação.

2 – Mais Natural, Menos Gordura

Novembro Azul

Essa pode ser matadora para os mais amantes, só que precisa ser tomada se não quiser problemas no futuro. Ter uma alimentação mais variada em vegetais, frutas e verduras, e um pouco menos de gordura, principalmente a animal, pode tornar sua meia e terceira idade bem mais sossegada.

E a mudança na alimentação não ajuda apenas na prevenção do câncer, mas em diversos outros aspectos da saúde. Você já deve ter visto em alguns outros lugares, mas basicamente o seu corpo como um todo funciona melhor. Faça um exercício: durante um período de 15 a 20 dias, substitua uma das suas comidas consideradas perigosas por algo mais saudável.

Se dentro desse período você sentir mais leveza no corpo, comer sem ficar estufado, e até não sentir falta de algumas dessas coisas, você está no caminho certo.

3 – Manere no Álcool

Novembro Azul

Pode ser tão drástico quanto parar de comer besteiras, mas dar aquela diminuída no álcool ajuda e muito a prevenir o câncer. Se você é do tipo que só bebe no fim de semana, e só na social, tá tranquilo. E bem, se você enche a cara uma vez ou outra ainda passa. Mas se você é do tipo “Vida Loka”, pare com isso, de verdade.

As bebidas alcoólicas, todas elas, à longo prazo podem causar danos bem perigosos a várias áreas do corpo, muito além do que a possibilidade de câncer. Problemas no fígado, nos rins, na circulação sanguínea, além da possibilidade de dependência, são mais do que suficientes para você colocar um freio naquela cervejinha regular no meio da semana.

4 – Não se esqueça de manter o peso

Novembro Azul

Manter o peso de acordo com sua altura não é apenas algo estético, mas uma atitude saudável consigo mesmo. Evitando sobrepeso e quaisquer problemas que venham dele vão melhorar ainda mais aquela sensação de corpo leve que comentamos ali em cima.

E aqui vai um conselho além da prevenção do câncer. Independente da identidade e daqueles argumentos que puxam para o lado estético – que por sinal existe sim essa opressão, mas isso é papo para outro post -, procurar um peso adequado garante uma vida mais tranquila no futuro. Mas veja bem – não tô falando para você ser musculoso e fitness, apenas não extrapolar os limites do seu corpo.

5 – Pare de Fumar

Novembro Azul

Essa vai para aqueles que fumam porque acham bonito, para relaxar ou por qualquer outro motivo que seja. O fumo leva principalmente ao câncer de pulmão e problemas relacionados, mas o risco de um tumor na próstata é tão grande quanto. Isso sem contar outros prejuízos no dia a dia que uma tragada proporciona. Entre pesos e medidas, um cigarro nunca ajuda.

Mas a gente sabe que parar de fumar pode ser uma atitude bem mais complicada do que qualquer otimismo e atitude. Como qualquer coisa que tenhamos dependência, as crises de abstinência e as vontades constantes de voltar a um mau hábito são muito grandes, mas é possível sair delas. Assim como nos exercícios, que nos primeiros dias são puxados e fica mais fáceis depois, os tempos de abstinência passam.

Deixe o Preconceito de Lado

Novembro Azul

E aqui vai o ponto em que o Novembro Azul mais se preocupa em conscientizar. À partir dos 45 anos, os exames preventivos de câncer de próstata são uma das maneiras mais eficazes de saber se haverá risco ou não de desenvolver a doença.

O teste leva menos de 10 minutos, e o resultado sai no mesmo dia. E aqui está o motivo da resistência: por ser um exame de toque direto a próstata, existe todo aquele preconceito que o “orgulho de macho” acarreta. Eu não vou entrar em argumentos para mostrar o quanto esse pensamento é desnecessário, mas resumir apenas no seguinte: você pode evitar uma morte bem triste se fizer o exame.

Sabe a questão de pesos e medidas que comentei mais acima quanto a largar o vício no cigarro? Aqui se aplica também: o que realmente vale mais, perder sua vida ou passar por uma longa luta contra o câncer que poderia ser evitado desde o princípio, ou manter seu suposto orgulho intacto por medo de qualquer piadinha?

Não é nada prazeroso o exame – se parar para pensar, nenhum exame médico é de verdade – mas é o tipo de sacrifício que se faz uma vez ao ano para garantir uma vida muito mais tranquila em estágios avançados, para você e para sua família.

E como dissemos antes, fique esperto aqui na Beard para o Novembro Azul! Ao longo do mês de Novembro, faremos alguns artigos e promoções especiais para que você também entre na campanha e garanta uma sobrevida ainda maior. Se ainda não tem barba (absurdo!), é uma boa chance de começar a crescer uma; se já é um barbudo, é uma boa chance de mostrar os benefícios dela. Até o Novembro Azul, jovem!

Quer receber no seu email excelentes conteúdos iguais a este? Então cadastre-se em nossa newsletter.

Deixe sua pergunta ou opinião

Ad Blocker Detected

Our website is made possible by displaying online advertisements to our visitors. Please consider supporting us by disabling your ad blocker.

Refresh